23 anos de prisão por matar a mulher a tiro

View previous topic View next topic Go down

23 anos de prisão por matar a mulher a tiro

Post by Λιλιανα on Sun Jul 18, 2010 11:46 am

O colectivo de juízes do Tribunal de Paços de Ferreira condenou, a 23 anos de cadeia, o comerciante que matou a mulher a tiro, em Abril do ano passado, em Frazão, naquele concelho. A pena foi mais pesada do que a proposta pelo próprio MP, que deduziu a acusação.

Foi um homem, aparentemente, debilitado e em cadeira de rodas que ouviu a leitura do acórdão. Do outro lado, os dois filhos do casal, um rapaz de 15 anos e uma rapariga de 20 anos, constituídos assistentes, revelaram-se incapazes de perdoar ao homicida. Álvaro Dias, 43 anos, estava acusado ainda de infligir maus-tratos à mulher e aos próprios filhos: o filho manteve-se em silêncio, a filha chorou, ele manteve-se impávido e sereno.

A sala, repleta de gente, sussurrou e bateu palmas. Aquele julgamento foi mais do que uma sentença, foi um espiar de fantasmas porque na aldeia se comentava à boca fechada actos de violência doméstica dentro de casa. Contra a mulher e contra os filhos.

O “mau viver” arrastava-se. A acusação relatou diversos episódios que, ao longo das várias sessões de audiência em julgamento causou incómodos. Ouviram-se relatos de que o homicida agredia a mulher para manter relações sexuais e não se coibia de agir mesmo perante os filhos.

O casal estava divorciado há nove anos. Um divórcio fictício que Laura Jorge, a vítima, consentiu. Ou teve de consentir. Mas Álvaro Dias mantinha a sua postura “egoísta”, como confirmou o tribunal. No dia 21 de Abril do ano passado, cerca das 13 horas, deslocou-se à serração do pai de Laura, onde ela trabalhava, em Moinhos, Frazão, Paços de Ferreira. Levou um revólver e disparou três tiros fatais, atingindo a ex-mulher mortalmente.

Depois, tentou suicidar-se com um tiro na cabeça. Em vão.
O colectivo de juízes, composto por três mulheres, só não deu como provado um crime de posse de munições.

O arguido foi condenado por um crime de violência doméstica, dois crimes de maus-tratos praticados aos dois filhos, crime de homicídio qualificado e por um crime de detenção de arma proibida. Em cúmulo jurídico, terá de cumprir 23 anos de cadeia, uma pena bem mais pesada do que a promoção do MP, que pediu 20 anos.

Fonte: jn

Λιλιανα

Messages : 5754
Points : 1937
Reputação : 48
Localização : Biana do Castelo

View user profile

Back to top Go down

Re: 23 anos de prisão por matar a mulher a tiro

Post by .uNR][Hydden on Sun Jul 18, 2010 7:18 pm

23? 70!


http://www.facebook.com/danielmendesss
avatar
.uNR][Hydden

Messages : 6962
Points : 2524
Reputação : 449
Localização : Lisbon

View user profile

Back to top Go down

Re: 23 anos de prisão por matar a mulher a tiro

Post by eduardo c . on Sun Jul 18, 2010 9:06 pm

este sistema judicial ... :\
avatar
eduardo c .

Messages : 1362
Points : 388
Reputação : 15
Localização : Porto

View user profile

Back to top Go down

Re: 23 anos de prisão por matar a mulher a tiro

Post by Λιλιανα on Sun Jul 18, 2010 10:53 pm

23 anos. daqui a 6 anos sai por bom comportamento.

Λιλιανα

Messages : 5754
Points : 1937
Reputação : 48
Localização : Biana do Castelo

View user profile

Back to top Go down

Re: 23 anos de prisão por matar a mulher a tiro

Post by Sponsored content


Sponsored content


Back to top Go down

View previous topic View next topic Back to top

- Similar topics

 
Permissions in this forum:
You cannot reply to topics in this forum